terça-feira, 4 de março de 2014

Triste Olhar


Um triste olhar,
tão perto dela
 E ao mesmo tempo
tão distante

 Mostrou-me a vida
e deixou-a comigo
 Em seu leito eterno
lágrimas rubras descem

 Ó que saudade
de minha amada querida
 Perderia minha vida
para a encontrá-la lá

 No dia em que partiu
meu coração falho morreu
 Mas eu prossigo aqui
vivendo e pensando nela








Nenhum comentário:

Postar um comentário